segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Dia da Consciência Negra

Dia da Consciência Negra é comemorado hoje dia 20 de novembro em todo o território nacional.






A data faz referência ao dia da morte de Zumbi dos Palmares. Ele foi um dos maiores líderes negros do Brasil que lutou para a libertação do seu povo e contra o sistema escravista.

A importância da data está no reconhecimento dos descendentes africanos na constituição e na construção da sociedade brasileira.
Os principais temas que podem ser abordados nessa data são o racismo, a discriminação, a igualdade social, a inclusão do negro na sociedade, cultura afro-brasileira, dentre outros.

Como surgiu o Dia da Consciência Negra?

Durante o governo Lula, a Lei nº 10.639 de 9 de janeiro de 2003, informou sobre a inclusão da temática “História e Cultura Afro-Brasileira” no currículo escolar.
Nesse mesmo documento, ficou estabelecido que as escolas iriam comemorar a consciência negra:
Art. 79-B. O calendário escolar incluirá o dia 20 de novembro como ‘Dia Nacional da Consciência Negra’.”
No entanto, foi somente no governo de Dilma Rousseff e através da Lei nº 12.519 de 10 de novembro de 2011, que essa data foi oficializada.
Nesse documento foi criado o “Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra”, sem obrigatoriedade de que ele fosse feriado.

Picciani se licencia, mas MPF vai pedir afastamento do mandato- Esperamos que aconteça!

Quatro dias depois que a Assembleia Legislativa do Rio decidiu soltar os deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB, acusados de envolvimento em esquema de propina na Casa, os desembargadores da Seção Criminal do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2), responsáveis pela prisão, voltam a se reunir amanhã para novas deliberações sobre a Operação Cadeia Velha. A força-tarefa da Procuradoria Regional da República vai pedir o afastamento dos três do mandato até que as investigações sejam concluídas. Se a medida for acolhida, será um atrito do TRF-2 com a Alerj, uma vez que os deputados estaduais também decidiram, na plenária de sexta, derrubar a hipótese de afastamento, mesmo sem terem sido provocados.

A procuradora regional Silvana Batini, integrante da força-tarefa, disse que o pedido de licença espontânea, apresentado ontem por dois dos acusados, Jorge Picciani e Edson Albertassi, não anula o afastamento. De acordo com ela, a licença tem prazos estabelecidos pelos próprios parlamentares — ambos em fevereiro do ano que vem, após o recesso. Já o afastamento não tem: está vinculado diretamente ao avanço nas investigações. O pedido já está pronto, mas talvez nem entre em pauta. Isso porque, em comunicado público, o próprio TRF-2 anunciou que examinará na sessão de amanhã uma “questão de ordem” levada diretamente pelos desembargadores.
Até o momento, é sabido apenas que será feito um relato dos fatos ocorridos no dia da votação, como a vedação do acesso de uma oficial de Justiça à Casa, cujo objetivo era intimar a Mesa Diretora a abrir as galerias a populares, a suposta simulação de galerias lotadas, com uso de servidores dos gabinetes dos próprios parlamentares, e a libertação dos três acusados sem que a decisão da Alerj tivesse passado antes pelo TRF-2. Esta última medida causou forte reação entre os magistrados, que entendem ser exclusivamente de autoridades judiciárias a prerrogativa de prender e soltar pessoas.
A convocação da sessão de terça-feira foi feita pelo presidente da Seção Criminal, desembargador Ivan Athiê, em demonstração de que os desembargadores estão unidos em torno das providências a serem tomadas daqui para frente. Uma das hipóteses cogitadas, caso uma eventual decisão de afastamento não seja cumprida, é um pedido de intervenção federal na Alerj a ser apresentado ao Supremo Tribunal Federal (STF). Para juristas que acompanham o caso, será uma oportunidade para o Supremo esclarecer a extensão da decisão sobre o caso Aécio Neves — quando a Corte decidiu que as medidas cautelares contra o tucano mineiro teriam de ser revalidadas pelo Senado.
Licença para se defender
O caso do Rio de Janeiro é o primeiro que envolve a soltura de deputados presos após a decisão do Supremo sobre a questão Aécio Neves — as assembleias do Mato Grosso do Sul e do Rio Grande do Norte também decidiram derrubar cautelares de prisão, mas de situações anteriores ao posicionamento do Senado. No pedido ao TRF-2, a força-tarefa da “Cadeia Velha” vai sustentar que o afastamento, com relação ao precedente Aécio, não está claro e não é vinculante às casas legislativas estaduais, além de não ter tido ainda o acórdão publicado.
— Algumas assembleias legislativas já andaram soltando deputados, mas eram casos anteriores ao julgamento do Supremo. Pegaram carona. A situação do Rio é o primeiro fato novo que ocorre. Então, vamos sustentar que o julgamento não se aplica a deputados estaduais, mas apenas a federais e senadores — disse Silvana.
Presidente da Alerj, Picciani divulgou nota informando que vai tirar licença não remunerada a partir de amanhã e só deverá retornar à Alerj em fevereiro de 2018, após o recesso. Ele explicou que a razão imediata para o pedido “é o fato de querer se dedicar à sua defesa e à do filho”, Felipe Picciani, preso desde terça-feira.
Também ontem, em nota, o deputado Edson Albertassi comunicou que ficará de licença pelo menos até o fim do recesso parlamentar de janeiro, para cuidar de sua defesa. Com isso, afasta-se também da liderança do Governo — decisão comunicada ao governador Pezão — e de todas as comissões que integra.
Provocada sobre as decisões tomadas na plenária de sexta-feira, a assessoria de Comunicação da Alerj informou: “A rotina de alvarás de soltura a serem expedidos pelo Judiciário é cuidadosamente disciplinada no Código de Processo Penal. Ocorre que esse tema, a prisão de parlamentar federal, estadual ou distrital, por ter estatura constitucional, não é regida pelo Código de Processo Penal. Se fosse, os autos de prisão em flagrante de parlamentar deveriam ser enviados ao Judiciário, o que nunca ocorre porque são remetidos à Casa Legislativa respectiva.”
Acrescentou que “o procedimento da última sexta-feira foi o mesmo adotado nos casos de soltura, pela Alerj, dos ex-deputados Álvaro Lins (2008) e José Nader Júnior (2005). Não houve qualquer questionamento jurídico na ocasião”.
A assessoria também confirmou que a resolução votada na sexta-feira alcança o afastamento, não se limitando apenas à revogação da prisão: “Nos termos do Artigo 53, parágrafo 2°, aplicável aos Deputados Estaduais por força do art. 27, parágrafo 1°, e aos Deputados Distritais tendo em vista o Artigo 32, parágrafo 3°, todos da Constituição Federal, não há prisão preventiva contra deputado federais, senadores, deputados estaduais nem deputados distritais. O que pode ocorrer é prisão em flagrante por crime inafiançável. Neste caso, a Câmara dos Deputados, o Senado Federal, cada Assembleia Legislativa e a Câmara Legislativa decidirão sobre a prisão. O projeto de resolução votado pela Alerj fala do afastamento na medida em que esta seria a consequência natural caso tivessem sido mantidas as prisões.”
Na mais importante ofensiva contra a corrupção no Rio desde a prisão do ex-governador Sérgio Cabral, em novembro do ano passado, a operação Cadeia Velha revelou o braço do esquema no Legislativo. Deputados estaduais, empresários e intermediários são acusados de manter uma caixinha de propina destinada à compra de decisões na Alerj para o setor de transportes. O esquema, concluíram os investigadores, teria começado nos anos 1990, por Cabral, e hoje seria comandado pelo presidente da Casa, Picciani, por seu antecessor, Paulo Melo, e pelo líder do governo Edson Albertassi, caciques do PMDB fluminense.
Na sexta-feira passada, enquanto a Alerj libertava os acusados, o desembargador Abel Gomes, relator da Cadeia Velha, determinou o bloqueio cautelar de contas e o arresto de bens de 13 pessoas e 33 empresas investigadas na operação. Os valores dos bens bloqueados de Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi somam R$ 270 milh.ões. Ele também renovou por mais cinco dias a prião temporária de Felipe Picciani, filho do presidente da Alerj.


Fonte: Extra

AÇÕES EM COMEMORAÇÃO À CAMPANHA 'NOVEMBRO AZUL' SÃO REALIZADAS EM TRAJANO


Imagina um mês de proteção masculina. Pensou? E, claro você acertou! Novembro é verdadeiramente o mês do ‘Novembro Azul’, período da maior campanha mundial de combate e prevenção ao câncer de próstata. O município de Trajano de Moraes, não poderia ficar de fora dessa. Vale lembrar, que todo o esforço da gestão pública, tem um significado: conscientizar a população masculina sobre a necessidade de se prevenir contra o desenvolvimento desse tipo de câncer, responsável pela morte de grande quantidade de homens mundo a fora.

E para que esse passo tão importante na vida de um home chamado diagnóstico sobressaia, é preciso antes de tudo acabar com o temido preconceito. De acordo com a secretária municipal de Saúde, Ana Paula Oliveira, o preconceito afasta a classe masculina de exames médicos como o toque retal, por exemplo. “Devemos lembrar aos homens o quanto é importante para a própria masculinidade ter uma próstata saudável. Trajano de Moraes esta fazendo uma campanha linda na policlínica Doutor Augusto Lemgruber, na Rua Coronel João Martins - s/n, no Centro”, disse.

Nesta segunda-feira (13), atendimentos como coleta de sangue para exames antígeno prostático específico, traduzido do inglês PSA, que é especifico para Câncer de Próstata foi feito na Policlínica. “Esse mês assim como o Outubro Rosa, foi pensado com dedicação e muito carinho para que juntos possamos atender o máximo de pessoas. Essa é uma indicação do prefeito Rodrigo Viana e do vice Jorge Diniz. Estamos fazendo nossa parte, agora esperamos que os homens façam a dele indo a Policlínica fazer o exame”, destacou Ana Paula.

O médico urologista doutor Antônio de Pádua esteve presente durante todo o dia realizando exames na Policlínica Doutor Augusto Lemgruber.  “Foram feitos no local só nesta segunda-feira, cerca de 30 atendimentos para o caso de prevenção ao Câncer de Próstata. Até o final do mês muita coisa ainda vai acontecer. A recomendação é para que homens a partir de 50 anos realizem os exames o quanto antes”, alertou.

De modo geral, o câncer de próstata desenvolve-se de forma lenta, não chegando a ameaçar a saúde do homem. “Para se ter uma ideia da lentidão desse processo, ele leva cerca de 15 anos para atingir 1 cm3 . Entretanto, alguns desses tumores podem atingir rápido desenvolvimento, crescendo bastante em pouco tempo, comprometendo outros órgãos e levando o paciente à morte”, explicou com detalhes a enfermeira Michelli Machado.


















-- 


Prefeitura Municipal de Trajano de Moraes - RJ
Assessoria de Imprensa - Ascom
End.: Praca Waldemar Magalhães, nº 5
Telefone: (22) 2564-1108

MÁQUINAS DA PREFEITURA DE TRAJANO REALIZAM MANUTENÇÃO NA ESTRADA DOS DEZESSEIS







As dificuldades impostas pelas chuvas nesse período, somado ao intenso tráfego de carros, motos e até caminhões, torna indispensável à constante presença das máquinas da prefeitura nas estradas rurais de Trajano de Moraes, para dar mobilidade no escoamento da produção agrícola. As máquinas estão a duas semanas melhorando o acesso na estrada dos Dezesseis, em Leitão da Cunha.

De acordo com o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Ralph Moreira, o trabalho tem como finalidade melhorar e conservar as estradas vicinais do município. “A gente vem trabalhando nessa vertente desde o início do governo do prefeito Rodrigo Viana. Essa é uma prioridade na gestão. Quero parabenizar as equipe que diariamente atuam nessas estradas”, disse o secretário.

Os trechos onde estão sendo feitas as melhorias somam aproximadamente quinze quilômetros, dos quais grande parte recebeu material apropriado. “Em alguns outros pontos, a passagem da patrol e da máquina retroescavadeira é o suficiente para melhorar o acesso. Dessa forma as famílias e os produtores rurais é que ganham”, destacou.

O Prefeito Rodrigo Viana, que já foi secretário municipal de Obras, tem experiência e conhecimento de causa, e diariamente circula pelas estradas do município para apontar os pontos críticos e assim determinar estrategicamente as ações. “Me ponho no lugar dos produtores rurais e por isso tenho essa preocupação com a produção agrícola de Trajano. Eles ajudam muito na economia de nossa cidade”, disse o prefeito.


--


Prefeitura Municipal de Trajano de Moraes - RJ
Assessoria de Imprensa - Ascom
End.: Praca Waldemar Magalhães, nº 5
Telefone: (22) 2564-1108


IFF abre inscrições para Cursos Técnicos na modalidade da Educação de Jovens e Adultos


 



O Instituto Federal Fluminense oferta 175 vagas para os Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio na Modalidade da Educação de Jovens e Adultos (Proeja), para o ano letivo 2018 dos campi Campos Centro, Campos Guarus, Itaperuna, e Santo Antônio de Pádua.
 Há vagas para os seguintes cursos: Eletrotécnica, nos campi Campos Centro e Itaperuna; Eletrônica e Meio Ambiente, no Campus Campos Guarus; Logística, no Campus Santo Antônio de Pádua.
 O Processo Seletivo de Ingresso está aberto aos candidatos que possuírem os seguintes pré-requisitos mínimos a serem comprovados, com documentação, no ato da matrícula: a) idade mínima de 18 anos; e b) Conclusão do Ensino Fundamental, ou c) Certificado de conclusão do Ensino Fundamental com base no resultado do ENCCEJA ou de exames de certificação de competência ou de avaliação de jovens e adultos realizados pelos sistemas públicos de ensino.
 Os interessados devem realizar a inscrição, gratuita, no período de 14 de novembro até as 20 horas do dia 08 de dezembro de 2017, no endereço eletrônico www.selecoes.iff.edu.br, mediante o preenchimento da ficha de inscrição e do questionário socioprofissional, a serem entregues no campus ofertante do curso pretendido, juntamente com toda a documentação comprobatória prevista no Art. 4.º do Edital, protocolando envelope lacrado, identificado na parte externa com o nome do candidato, o nome do curso escolhido e o número de inscrição. A documentação poderá ser entregue até o dia 13 de dezembro.
 Os candidatos que tiverem dúvidas, poderão realizar a inscrição no campus ofertante do curso pretendido que disponibilizará atendimento presencial, nos locais e horários estabelecidos no Art. 3º do Edital N.º 223 IFFluminense que rege o processo seletivo.
 A seleção dos candidatos será por meio de questionário socioprofissional que terá valor de 80 pontos. O questionário tem por objetivo analisar o perfil do candidato, incluindo: dados de escolaridade, da vida profissional e situação familiar para classificá-lo. Somente serão analisados os questionários socioprofissionais, devidamente assinados, acompanhados da documentação comprobatória e do comprovante de inscrição.
 O resultado final será divulgado no dia 12 de janeiro de 2017. Todas as informações estão disponíveis em www.iff.edu.b

Promoção Social de Porciúncula ensina a fazer dinheiro com a s mãos

Oportunidade de renda nas mãos















A Secretaria de Promoção Social anda dando corda pras mulheres de Porciúncula. E não só corda! Com linhas, barbantes e malhas, o que era fio torna-se peça de decoração e fonte de renda para cerca de 20 mulheres inscritas no CRAS que acabam de concluir o curso de tricô.


Após três meses de curso, o sentimento das mulheres é de gratidão, mas também de tristeza. “O curso foi excelente. Aprendemos muito e todos os dias. Além do tricô, a convivência nos trouxe boas amizades e grandes aprendizados. Não queria que acabasse”, conta a aluna Sirlei Bernardo.


A instrutora Rachel Leme explica que o objetivo do curso foi ir além do tricô básico. “O mercado está aquecido para peças de decoração em tricô, então procurei passar para elas novas tendências e estilos para suprir a demanda e vender mais.”


E elas aprenderam rapidinho. Cortinas, tapetes, panos, almofadas, mantas e tudo o mais que as mãos conseguirem tecer utilizando matéria-prima rústica. “Eu fazia meia, ponto simples e peças que todo mundo já faz. Aprendi outros pontos e já estou trabalhando, aceitando encomendas e ganhando meu dinheirinho”, conta Nirlene Narde.


O curso, que teve uma aceitação muito boa por parte do grupo, já deve render outros frutos. A turma está conversando para montar grupo de trabalho e oferecer peças de decoração para lojas nos grandes centros. “O processo de evolução foi muito bom e agora, além delas poderem caminhar com as próprias pernas, podem também trabalhar em conjunto e pegar grandes encomendas”, conclui Rachel.


O curso terminou nesta terça, 14 de novembro, mas o aprendizado e os momentos que essas mulheres dividiram durante esses três meses, com certeza, ficarão para sempre. “Este curso foi aula pra mente também. Aprendi a distrair a mente e me tornei uma pessoa mais leve. Isso eu vou levar pra vida toda”, completa Sirlei Bernardo.


Rosimere Ferreira

Assessoria de Comunicação

Prefeitura de Porciúncula

22-3842-2900

FIRJAN: Atividade produtiva no Noroeste Fluminense registra nova queda



As indústrias do Noroeste Fluminense registraram nova queda da atividade produtiva em outubro. É o que mostra a Sondagem Industrial do Rio de Janeiro, divulgada na  sexta-feira (17/11)  pelo Sistema FIRJAN. O volume de produção recuou (42,7).





A sondagem é um levantamento de opinião empresarial e os indicadores variam de zero a cem pontos. Os valores abaixo de 50 indicam pessimismo ou redução e acima de 50 pontos representam otimismo ou aumento.

De acordo com a pesquisa, o indicador de número de empregados também seguiu caindo ( 44,5), reflexo da fraca atividade fabril. A indústria do Noroeste continuou operando um pouco abaixo da média histórica, com 57% da capacidade instalada.

Os empresários que participaram da pesquisa, mostraram, mais uma vez, insatisfação com as condições financeiras de suas empresas em outubro (38,4), já que o acesso ao crédito (25,8) está difícil e a margem de lucro (36,0 pontos) continua baixa.

Para o final de 2017 e início de 2018, os industriais do Noroeste Fluminense esperam queda na demanda por produtos (48,1) e, consequentemente, redução na compra de matérias-primas (46,2).

Diante da incerteza quanto ao ritmo da retomada da atividade econômica, os industriais devem adiar novos investimentos (37,2) e contratações (44,9). Os resultados da Sondagem Industrial apontam que os empresários da região Noroeste estão entre os mais pessimistas do estado do RJ, ao lado dos das regiões Leste, Sul e Norte.

Participaram da Sondagem Industrial empresas dos 13 municípios atendidos pela Representação Regional FIRJAN/CIRJ Noroeste Fluminense: Aperibé, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Italva, Itaocara, Itaperuna, Laje do Muriaé, Miracema, Natividade, Porciúncula, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá e Varre-Sai.

A Sondagem Industrial do Noroeste Fluminense está anexada a esta mensagem. O documento contém ainda outros dados econômicos da região


Outras informações para imprensa
Assessoria de Imprensa Regional
Norte e Noroeste Fluminense
+55 (22) 2736-9628/ (22) 99870-0358

Associação Comercial e Industrial de Macaé lança cartão de compras



Lançamento do Cartão ACIM acontece no dia 23 deste mês no prédio da instituição




Com o objetivo de fomentar o comércio local, a Associação Comercial e Industrial de Macaé – ACIM, lança no dia 23 de novembro, às 9h30, o Cartão ACIM que oferece descontos e benefícios para os usuários. O cartão vai contar com a bandeira Braxcard, empresa especialista em administrações de cartões de benefícios.

Ao aderir o cartão ACIM cada comércio ou indústria associado passará a aceitá-lo, gerando uma cadeia de compra e venda dentro da cidade. “Nossa ideia é incentivar a compra no comércio local, para que os moradores deem preferência para os comerciantes macaenses”, explicou Emerson Esteves, presidente da ACIM.

Com o benefício em mãos o usuário tem à sua disposição um cartão de compras para aproveitar as vantagens e descontos oferecidos pelas lojas credenciadas. A consulta de saldo e listagem de estabelecimentos pode ser acessada através do site www.braxcard.com.br.

De acordo com Emerson, a expectativa é que o comércio cresça 20% com as vendas de Natal por conta deste novo meio de compras. “Estamos otimistas com relação a boa receptividade do comércio com o cartão ACIM, acreditamos que vai fazer com que o dinheiro não saia da cidade fortalecendo a nossa economia”,  disse o presidente.

Qualquer comércio, associado ou não, pode tornar-se credenciado e aceitar o cartão ACIM, porém a empresa associada tem desconto na taxa de adesão e redução no aluguel da máquina POS.

Durante os meses de novembro e dezembro, as empresas associadas que proporcionarem o cartão ACIM para seus funcionários terão isenção na taxa de adesão. A solicitação é feita na sede da ACIM ou através do e-mail gerencia@acim-macae.com.br. Mais informações pelo telefone 2772-2858.

Serviço:
Lançamento cartão ACIM
Data: 23/11
Horário: 9h30
Local: Prédio da ACIM – Av. Rui Barbosa, 270 – Centro.




-- 


Tatiani Costa
Jornalista - Assessora de Comunicação
MTb 47.264/SP

(22) 9 9790-0697

Porciúncula em busca de melhorias para a saúde


A situação da saúde no Brasil passa por um momento crítico, doente. Os municípios, principalmente os fluminenses, têm estado à míngua, correndo o pires para conseguir suprir as necessidades da população, que não para de crescer, assim como a demanda em questões de saúde.

Diante de todas as dificuldades, a Prefeitura de Porciúncula e a Secretaria Municipal de Saúde estão se desdobrando para atender a população. Os agentes de Saúde e os oito PSFs do município estão em plena atividade. E, segundo o secretário de Saúde, Marcelo Menin, a saúde de Porciúncula está prestando os serviços básicos: “Não estamos trabalhando da forma que sonhamos, mas temos o atendimento básico”.

As dificuldades estão relacionadas à falta de repasse de recursos financeiros por parte do Estado. Os recursos federais são carimbados, e não abrangem todo o sistema. “Há mais de dois anos o Estado não faz repasse. Estamos trabalhando sem recursos, o que dificulta as ações”, explica o secretário.


O prefeito Leo Coutinho tem buscado, insistentemente, emendas que contemplem o município. Graças à boa parceria entre os poderes executivo e legislativo, o município recebeu, recentemente, um valor para custeio que permitiu a compra de material de consumo e medicamentos para a farmacinha e o Posto de Urgência.

A Secretaria de Saúde tem sido suprida basicamente pela prefeitura, com recursos próprios do município. E a demanda é grande. Diariamente, são 70 pacientes transportados para atendimento em outros municípios. “Além do transporte para Campos, Itaperuna, Bom Jesus e outros, todos os dias enviamos uma van e carros baixos para o Rio de Janeiro. Todos os dias. O custo disso é muito alto no mês, mas não podemos deixar de atender”, conclui Marcelo Menin.

O secretário afirma que já tem outras emendas em andamento aguardando liberação por parte do Ministério para benefício da saúde, como troca da frota de veículos, além de mais medicamentos e insumos.

Rosimere Ferreira
Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Porciúncula

COPAL: “CANTINHO DO DIREITO”:


Utilidade Pública:










Pergunta:


Convivo com um homem há mais de 10 anos.
Infelizmente, ele está muito doente, mas ainda continua casado no papel.
Estou preocupada, pois me falaram que, no caso de sua morte, quem vai receber a pensão será a esposa.
Afinal, quais são os meus direitos?


Resposta:

O INSS reconhece, como sucessora previdenciária, a pessoa que convivia com o segurado ou segurada quando do seu óbito.
Entretanto, para que o companheiro ou companheira tenham direito á pensão será necessário que apresente ao INSS, no mínimo, 03 provas documentais, podendo ser conta de luz em nome de um, água em nome de outro, plano de saúde ou SAF, onde um é o titular e o outro dependente, conta corrente ou poupança conjunta.
Enfim, apresentando tais provas documentais o próprio INSS defere a pensão.
Caso a ex-esposa também solicite a pensão, o caso deverá ser decidido pelo Poder Judiciário.





COLABORAÇÃO:
Escritório de Advocacia Vidipó, Oseias, Cassio e Dayana.
Rua Conselheiro Paulino, 95,
Centro Pádua
Telefone: 3.851. 0195.


sábado, 18 de novembro de 2017

ROUBO NO CALÇADÃO DE NOVA IGUAÇU





Não apenas os índices de violência chocam a população. Agora, os métodos que os criminosos utilizam para efetuar seus roubos também assustam. No calçadão de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense virou moda assaltar os pedestres.
uma moradora teve sua bolsa furtada e pede pelo amor de Deus que devolvam .

Alice Alves: " Minha carteira foi roubada




com todos meus documentos e da minha filha e do meu filho cartões tudo preciso ter meus documentos sou pobre e não tenho como correr atrás de fazer outro pois perto do fim ano fica muito difícil talvez quem roubou jogou a carteira com os documentos pelo chão alguém possa ter achado.por favor me ajudem".

O boletim de ocorrência foi feito quem puder ajudar entre em contato com o jornal pelo e-mail semlimites jornal @ hotmail ou pelo tel: 21 98664-7279. obrigado.


sexta-feira, 17 de novembro de 2017

VERGONHA : Alerj manda soltar Picciani e deputados presos na Operação Cadeia Velha




RIO - Com 39 votos favoráveis contra 19 e uma abstenção, os deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovaram, nesta sexta-feira, 17, a libertação do presidente da Casa, deputado Jorge Picciani, do deputado Paulo Melo e do líder do Governo, deputado Edson Albertassi, todos do PMDB, estavam presos.
O filho de Picciani, Rafael Picciani (PMDB), não votou.
Os parlamentares já deixaram a prisão de Benfica, onde estavam desde esta quinta-feira. A decisão da Alerj também determina que eles retomem o exercício regular do mandato na próxima terça-feira, uma vez que segunda-feira é feriado.







Os deputados que votaram a favor da prisão:



Vlll Passeio Ecológico em Santo Antonio de Pádua-RJ


Campeão de paracanoagem  Cowboy
O paduano Ademar Lugão 



Campeão de paracanoagem  Cowboy ,participou hoje do passeio Ecológico entre Pádua  e Atafona. Em Pádua diversos canoístas participaram desde jovens a adultos, o paduano Ademar Lugão vem se destacando após sofrer um acidente, vem demonstrando superação a cada prova.

O Passeio Ecológico foi criado para fortalecer as atitudes que estão sendo feitas para salvar os nossos Rios Pomba e Paraíba do Sul. 
O um evento realizado por amigos que amam o esporte aliado com a natureza e cada ano mais amigos se juntam para ressaltar as belezas da nossa região Norte e Noroeste Fluminense e do ecossistema e mostrar à população a importância de sua preservação e as consequências do mau uso das águas dos rios e os prejuízos causados pelo despejo indevido de resíduos em seu leito.

Desde 2010, o canoísta paduano Miguel Mullin realiza anualmente o Passeio Ecológico dos Rios Pomba e Paraíba do Sul. Atleta da canoagem e participante de competições locais e regionais, Mullin visa com o evento conscientizar a população para a preservação e despoluição do principal rio de Pádua, o Pomba. O passeio dura três dias e já faz parte do calendário esportivo da cidade. 
Os aventureiros percorrem em canoas cerca de 200 quilômetros de correntezas e chegam até Campos e São João da Barra, pelo Rio Paraíba do Sul. Há paradas em ilhas, cachoeiras, trechos do rio Pomba com prainha e ponto para pesca sem rede de várias espécies de peixe (no distrito de Paroquena). 
O roteiro inclui o encontro dos rios Pomba e Paraíba do Sul e é encerrado na praia de Atafona, em São João da Barra.