quarta-feira, 13 de julho de 2016

Sebrae reúne gestores públicos e agricultores para promover a inclusão de produtos locais na merenda das escolas estaduais





Programa Compra Mais 2 tem início no Noroeste Fluminense

Agricultores familiares e gestores das escolas estaduais do Noroeste Fluminense participaram nesta quarta, 13/07, do ciclo de aprendizagem “Merenda escolar e o incentivo à agricultura familiar”, promovido pelo Sebrae/RJ, na sua sede regional, em Itaperuna. O evento debateu a importância da inclusão dos produtores rurais no fornecimento da merenda escolar das escolas estaduais para o fortalecimento da economia local e reuniu 125 pessoas, entre diretores de escolas, merendeiras, funcionários das secretarias municipais de agricultura e produtores rurais de toda a região.
O encontro marca o início do programa Compra Mais 2, desenvolvido em parceria com o Governo do Estado do Rio de Janeiro, através da Secretaria de planejamento e gestão (Seplag) e secretaria de educação (Seeduc) e da Emater-Rio, e o Tribunal de Contas do Estado (TCE). O programa foi apresentado por Ana Paula Lima, gestora de políticas públicas do Sebrae/RJ, que após a implementação da Lei Geral passou a atuar diretamente com os gestores públicos e os micro e pequenos empresários para fazer com que a Lei seja efetivamente colocada em prática.
Entre 2011 e 2013, o Sebrae/RJ executou o programa Compra Mais, com foco no acesso das micro e pequenas empresas às compras públicas municipais. “Nesse período, identificamos o grande potencial agrícola do Noroeste, e obtivemos grande êxito no fornecimento de gêneros alimentícios para a merenda escolar das escolas municipais. Agora, nesta segunda versão do Compra Mais, queremos capacitar os produtores a vender para as escolas estaduais. Nossa meta é atingir, ao menos, 27% do total de compras com produtos locais”, afirma Ana Paula.
O analista Jorge Luis Gomes dos Santos representou o coordenador regional do Sebrae, Nelson Rocha Filho, e destacou que o Noroeste Fluminense é a primeira região do Estado onde as ações do Compra Mais 2 estão sendo implementadas. “Estamos muito felizes em dar este novo passo e ampliar a venda dos alimentos produzidos aqui na região para as escolas estaduais. Vamos suprir as necessidades nutricionais dos nossos alunos e ao mesmo tempo fortalecer os produtores rurais e contribuir com o desenvolvimento da economia regional”.

Agricultura familiar na merenda escolar
A programação do ciclo de aprendizagem incluiu um painel sobre a importância da agricultura familiar na merenda escolar. O diálogo foi mediado pela Secretária de Educação do município de Três Rios, Carla Monnerat, e contou ainda com a participação da coordenadora de Segurança Alimentar da Seeduc, Livia Ribera; da chef de cozinha e fundadora do projeto Favela Orgânica, Regina Tchelly; e do produtor rural André Viana, itaperunense que já vende produtos para a merenda escolar.
O cumprimento da Lei 11.947/2009, que dispõe sobre o atendimento da alimentação escolar e do Programa Dinheiro Direto na Escola aos alunos da educação básica, foi abordado por Ana Cristina Mirrha, presidente do Conselho de Alimentação Escolar (CAE) e importância da agricultura familiar foi apresentada pelo coordenador de Agroecologia do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Capacitações facilitam a participação nas chamadas públicas
As próximas ações previstas são as capacitações dos gestores envolvidos nos processos de aquisição de produtos das escolas estaduais, no dia 19, e dos produtores rurais da região, nos dias 20 e 21/07, no Sebrae em Itaperuna. Serão fornecidas informações sobre licitações, modalidades de compras por parte do governo, requisitos para as micro e pequenas empresas se tornarem fornecedoras da administração pública, e os benefícios concedidos às empresas de pequeno porte nas contratações com os órgãos e entidades públicas.














Kellen Leal - Print Rio
Assessoria de Comunicação Sebrae/RJ
(21) 3212-1000   (21) 98498-1842

Cartório Eleitoral de Pádua realiza reunião sobre procedimentos eleitorais








O objetivo do encontro é orientar os partidos políticos, pré-candidatos, advogados e interessados sobre a legislação e os procedimentos que serão adotados no município nas eleições deste ano. Assuntos como Propaganda Eleitoral, Crimes Eleitorais, Registro de Candidaturas, entre outros, serão discutidos.

























terça-feira, 12 de julho de 2016

Durante Olimpíada no Rio, Correios suspende Sedex e muda prazos








Serviços expressos e convencionais poderão atrasar de 2 a 3 dias.
Plano de contingência começa dia 28 e vai até 19/09.
Para se adaptar a um decreto que proíbe a circulação de veículos de carga em regiões do Rio durante a Olimpíada, os Correios terão um plano de contingência durante os Jogos. O programa começa dia 28 deste mês e vai até 19/09, ao fim da Paralimpíada.
As postagens de Sedex 10, Sedex 12 e Sedex Hoje para a Região Metropolitana do Rio serão suspensas em todo o Brasil. Assim como postagens do Rio para qualquer outro destino.
Além disso, ainda de acordo com os Correios, estarão suspensas a entrega e coleta domiciliar de encomendas, malotes e cartas registradas nos endereços situados em torno de arenas e provas de rua no período de interdição.
Os serviços expressos terão dois dias úteis a mais além do prazo padrão para serem entregues. Os serviços não expressos (como remessa econômica e carta registo padrão para serem entregues. Os serviços não expressos (como remessa econômica e carta registrada) poderão atrasar até três dias em relação aos prazos originais.

Eleições 2016 tire suas duvidas aqui!!!!!!!!!!!!!!!!














































segunda-feira, 11 de julho de 2016

Ciep de Itaperuna homenageia Noêmia Bittencourt em reinauguração de biblioteca




O Ciep 263 Lina Bo Bardi, localizado ao lado da rodoviária de Itaperuna, passou por um processo de revitalização e reinaugurou sua biblioteca nesta segunda-feira, 11 de julho, dia do nascimento de Noêmia Alt Bittencourt, escolhida para dar nome ao espaço. Com a presença de educadores, familiares e amigos, a cerimônia foi marcada por discursos emocionados de quem teve a oportunidade de conviver com Noêmia, que faleceu em 1994, aos 50 anos.
O diretor do Ciep, João Paulo de Oliveira Faria, ressaltou o papel que essa educadora desempenhou na formação de muitos leitores e de tantos profissionais, que reconhecem nela uma grande incentivadora do ato de educar e do ato de aprender.
- Noêmia adotou essa cidade para viver, constituir sua família, e abraçou com amor e dedicação a busca por uma educação de qualidade junto com seu esposo Jair de Siqueira Bittencourt. Ela mudou o conceito de que a pré-escola era lugar apenas para brincar e ocupar o tempo das crianças. Na alfabetização os alunos estavam lendo, escrevendo e interpretando seus próprios textos. A ousadia era um de seus lemas. É uma justa homenagem – declarou João Paulo.
Em seu depoimento, a professora Nilma de Fátima dos Santos relembrou o fato de Jair e Noêmia terem visto seu potencial educador antes dela mesma. “O magistério não era um caminho que eu inicialmente havia visualizado para minha vida, mas eles me disseram que ser professora era meu dom. Os ouvi e estou há 37 anos na profissão. E não me arrependo”, afirmou.
A professora Lenise Dutra relatou as impressões que, ainda aluna, teve de Noêmia: “Sua beleza e sua facilidade em lidar com todas as pessoas, independente de quem fosse, nos encantava”. Para encerrar seu depoimento, Lenise declamou o poema “Com licença poética”, de Adélia Prado.

O olhar dos familiares

Cássia Bittencourt, esposa de Jair Bittencourt - filho de Noêmia -, lembrou os anos em que conviveu com ela e das lições preciosas que pôde carregar para a sua vida e transmitir a seus filhos: “Ela sempre dizia ‘Deus Proverá”! E sua fé era tamanha, que tudo se resolvia. Um exemplo de mulher”.
Alice Bittencourt apresentou o lado protetor e zeloso da mãe, sempre preocupada em ser forte nas batalhas do cotidiano em família: “Ela foi um modelo de ser humano para todos nós. Colocava as outras pessoas acima de si mesma”.
Participaram também os filhos Luis Cláudio e Rita de Cássia, além dos netos de Noêmia.
O deputado estadual Jair Bittencourt, que não pôde participar da cerimônia pois recebeu uma convocação extraordinária da Alerj, manifestou-se através de suas redes sociais: “Hoje minha mãe faria 73 anos... E em uma data tão significativa para nós, tivemos a alegria de receber uma linda homenagem por parte da equipe do Ciep 263 Lina Bo Bardi, de Itaperuna: a reinauguração de sua biblioteca, a qual deram o nome de Noêmia Alt Bittencourt! Não há palavras para descrever o orgulho que temos dos laços que nos unem a essa grande mãe, grande educadora, grande mulher!”.